2 de out de 2009

Reunião em SP sobre a liberdade de expressão para Professores e Professoras

Reunião lança nova fase da Campanha pela liberdade de expressão dos professores

Encontro acontece no dia 15 de outubro para debater meios de ampliar a voz dos professores no debate público sobre educação; participe!

No fim de setembro, o governador de São Paulo, José Serra, sancionou a lei que revoga artigos da chamada Lei da Mordaça – mecanismos no Estatuto dos Funcionários Públicos de São Paulo que impediam a livre manifestação de servidores em geral, inclusive professores.

Mas apesar do avanço em direção à garantia do direito à liberdade de expressão no estado, persistem instrumentos normativos e culturais de restrição à manifestação de opiniões. Além disso, pelo menos 17 estados e diversos municípios brasileiros ainda sustentam em suas legislações o mesmo tipo de impedimento.

Para dar continuidade à Campanha pela liberdade de expressão do professorado e garantir a pluralidade de vozes no debate público sobre a educação, a Ação Educativa, a ONG Artigo 19 e a Confederação Nacional dos Trabalhadores em Educação (CNTE) realizam uma reunião no dia 15 de outubro, às 14h30, em São Paulo, SP. Uma das ações a serem discutidas é o lançamento de uma publicação com conteúdo produzido por profissionais da educação.

Para participar deste encontro e fazer parte da Campanha, envie um e-mail para aline@acaoeducativa.org Este endereço de e-mail está protegido contra SpamBots. Você precisa ter o JavaScript habilitado para vê-lo. .

Reunião da Campanha Fala Educador! Fala Educadora!
Data: 15 de outubro de 2009
Horário: 14h30 às 17h00
Local: Ação Educativa - Rua General Jardim, 660 - Vila Buarque - São Paulo – SP (próximo à estação do Metrô Santa Cecília)

Nenhum comentário: